23.2.11

Fotopintura (Lançamento do Livro)

Galeria Choque Cultural

                                   A FOTOPINTURA

“Processo inventado por André Adolphe Eugène Disdéri (1819-1889/90) em torno de 1863, a fotopintura é obtida a partir de uma base fotográfica em baixo contraste - que tanto pode ser uma tela quanto uma imagem sobre papel - sobre a qual o pintor aplica as tintas de sua preferência, geralmente guache, para o papel, e óleo, para as telas.
O sucesso da fotopintura se deveu à suas características muito próprias:
- as pessoas acreditavam que, a partir das cores, a fotografia se aproximava ainda mais da realidade;
- ao pintor, não se exigia grande talento para o retrato;
- ao dono do retrato, não se exigia que posasse em intermináveis sessões e, ainda;
- garantia-lhe prestigio social, uma vez que a pintura, por seu alto custo, estava restrita à nobreza.”

Fotopintura no Brasil
Em 1866 encontramos os primeiros praticantes deste processo no Brasil, que era denominado nos países de língua inglesa de photography on canvasremonta. Atualmente, os principais artistas do gênero estão concentrado no Norte/Nordeste, principalmente no Ceará e Caruaru.
Um dos mestres na arte da fotopintura
O pernambucano Júlio Francisco dos Santos, conhecido pelo apelido carinhoso de Mestre Júlio. O artista trabalha com fotopintura desde os 12 anos de idade e já teve 21 empregados. Hoje, além de continuar a trabalhar em sua arte, quando convidado, ministra minicursos, na esperança de que a técnica não seja extinta.

Para saber mais Olha vê

Nenhum comentário:

Postar um comentário